Ser de Esquerda

Atualizado: Abr 2

EU SOU DE ESQUERDA.

COM MUITO ORGULHO.

Ser de esquerda não é, necessariamente, ser militante do PT, do PSOL, do PCO, do PCdoB, etc.

O QUE É SER DE ESQUERDA?

Ser de esquerda não é votar no João ou no Mário. É votar no ideal de fraternidade e solidariedade que João e Mário carregam.

A esquerda não é contra o empresário. A esquerda é contra o desrespeito às leis trabalhistas, que foram criadas para "igualar" a capacidade de negociação de direitos e garantias mínimas de dignidade.

A esquerda não é contra a família tradicional. A esquerda apenas tem a consciência de que famílias diferentes da tradicional também são famílias e merecem ter o respeito de todos.

A esquerda não quer que você ou seu filho sejam gays. Só quer que vocês respeitem aqueles que são.

A esquerda não está a favor do aborto. E, sim, de amparar a mulher, orientando sobre como evitar a gravidez e em que situação pode-se não querer ter um filho.

A esquerda não está contra os ricos. Mas contra os que pensam que têm mais direitos que os pobres.

A esquerda não é contra a fartura. A esquerda é contra a fome.

A esquerda não defende bandidos. Defende que todas as ações sejam dentro da lei e dos direitos humanos. Se você é humano, nós defenderemos os seus também.

A esquerda não é contra você ter uma mansão. A esquerda é contra pessoas morarem nas ruas ou em casebres.

A esquerda não é contra o consumismo. A esquerda é contra a destruição do meio ambiente.

A esquerda não é contra a igreja, mas sim contra os discursos de ódio.

Ser de esquerda é lutar por igualdade material. É lutar pelo direito das minorias. Pelo direito dos negros. É lutar pelo direito das mulheres. É lutar pelo direito do trabalhador. É lutar pelo direito de respirar um ar puro.

São democráticos os que têm coragem de lutar pelos direitos dos outros.

Ser de esquerda não é uma opinião política. É uma FILOSOFIA DE VIDA.

Se você se identifica, copia e publica. Autor Anônimo

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo